Portal Fator Brasil 
Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

11/09/2019 - 09:11

10 de Setembro — Dia Mundial da Língua de Sinais


Cencosud investe na capacitação de colaboradores e entrevistas de emprego em Libras.

Dez de setembro é celebrado o Dia da Língua Brasileira de Sinais (Libras), desenvolvida para facilitar a comunicação e a expressão das pessoas surdas. Dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) de 2015 mostraram que cerca de 30 milhões de brasileiros têm esta condição, demandando da sociedade e das empresas ações específicas para atender às necessidades e promover a inclusão no mercado de trabalho.

Em 2019, a Cencosud Brasil, quarta maior supermercadista do país, disponibilizou em sua plataforma e-learning o curso de Libras para seus mais de 25 mil colaboradores. "Esse curso reforça nossa Política de Diversidade e Inclusão, proporcionando um ambiente de trabalho mais inclusivo, uma vez que o time tem a oportunidade de se comunicar melhor com colaboradores que usam Libras", afirma Laila Leite, gerente de Desenvolvimento Organizacional e Capacitação da Cencosud Brasil.

Além disso, para aperfeiçoar o atendimento aos clientes surdos e aos colaboradores que apresentam essa condição, a rede carioca Prezunic implementou a entrevista de emprego em Libras, para incentivar e facilitar a contratação de pessoas surdas. A partir de uma parceria com o Instituto Nacional de Educação de Surdos (Ines), a rede capacitou duas recrutadoras da Cencosud para a realização desta atividade.

Contratado por meio da entrevista em Libras, Mara Luz, 49 anos, é auxiliar de operações no Prezunic, trabalho que garante seu sustento e o de sua filha, a estudante Thaís, de 18 anos. "Foi a primeira vez que participei de um processo seletivo na minha língua", diz Mara. "A entrevista em Libras me deixou mais segura e aumentou as minhas chances".

Jaasilon Teixeira, 31 anos, também se mostra satisfeito com as oportunidades no Prezunic. Atendente de caixa, ele costuma auxiliar os outros colegas sem deficiência a aperfeiçoar os conhecimentos em Libras. "Participar da seleção por meio de uma entrevista em Libras facilitou bastante a minha contratação. Me sinto bem na empresa e muito feliz em poder ajudar as pessoas e também perceber a minha evolução", diz Jaailson.

Outro exemplo de perseverança e conquista de espaço no mercado de trabalho é Fernanda Vitória, 31 anos, empacotadora na loja do GBarbosa Costa Azul, em Salvador/BA, desde 2014. Com deficiência auditiva identificada aos 5 anos, ela já trabalhou como autônoma em lojas de rua e teve na rede supermercadista o seu primeiro emprego com carteira assinada.

Fernanda afirma ter tido muita dificuldade em conseguir emprego e que se sente grata pela empresa e pela Associação de Pais e Amigos de Deficientes Auditivos do Estado da Bahia (APADA), que fez a intermediação de trabalho no GBarbosa. "O clima na empresa é de amizade. As pessoas conversam, brincam, gosto de todos". Sobre as qualidades de uma boa empacotadora, ela afirma que "é preciso ter agilidade e simpatia para atender bem os clientes".

Uma das recrutadoras capacitadas em Libras, Camila Coutinho destaca a melhora na qualidade das entrevistas com candidatos surdos, proporcionando mais tranquilidade no momento da entrevista. Camila ressalta, ainda, ser comum o fato de colaboradores com algum tipo de deficiência se destacarem entre os demais. "Recebemos muitos relatos de gerentes de loja afirmando que os colaboradores com deficiência se mostram mais disponíveis e dispostos a encarar desafios", conta.

Os interessados em trabalhar na Cencosud Brasil devem cadastrar seus currículos no portal www.vagas.com.br/cencosudbrasil e conferir às vagas publicadas no LinkedIn da Cencosud S.A.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2019 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira

 Consulta inválida: