Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

27/07/2019 - 08:35

Weg: continuidade na melhora das margens e retorno sobre o capital investido no 2T19


O lucro líquido foi de R$ 389,0 milhões, um crescimento de 15,6% em relação ao segundo trimestre de 2018, e de 26,8% em relação ao 1T19. A margem líquida atingiu 11,8%, 0,8 ponto percentual superior ao segundo trimestre de 2018 e 1,3 ponto percentual superior ao primeiro trimestre de 2019.

Jaraguá do Sul (SC) — A WEG S.A. (B3(NM): WEGE3, OTC: WEGZY), uma das maiores fabricantes mundiais de equipamentos eletroeletrônicos, anunciou no dia 26 de julho (sexta-feira) seus resultados referentes ao segundo trimestre de 2019.

Destaques para receita operacional líquida que foi de R$ 3.286,6 milhões no segundo trimestre de 2019, 7,5% superior ao segundo trimestre de 2018 e 12,1% superior ao primeiro trimestre de 2019. O Ebitda atingiu R$ 537,2 milhões, 15,4% superior ao segundo trimestre de 2018 e 16,3% superior ao primeiro trimestre de 2019, enquanto a margem Ebitda de 16,3% foi 1,1 ponto percentual maior do que no segundo trimestre de 2018 e 0,6 ponto percentual maior se comparada ao trimestre anterior. O Retorno Sobre o Capital Investido (ROIC) atingiu 18,4% no segundo trimestre de 2019, crescimento de 1,5 ponto percentual em relação ao 2segundo trimestre de 2018 e crescimento de 0,4 ponto percentual em relação ao primeiro trimestre de 2019. O mercado brasileiro mostrou-se positivo e continua apresentando crescimento nas principais linhas de negócio, ainda que em ritmo menor que o esperado no início deste ano.

O desempenho da receita no comparativo trimestral é explicado pela já antecipada menor participação dos projetos de geração eólica. A demanda por produtos de ciclo curto segue a tendência dos últimos trimestres, em especial os motores industriais, de uso doméstico e tintas. Porém o destaque no mercado interno continua sendo os negócios de geração solar e transmissão e distribuição (T&D), que vêm confirmando as expectativas de melhora da demanda já percebidas desde o final do ano passado.

De acordo com a empresa, o desempenho no mercado externo foi positivo, principalmente nas áreas de Geração, Transmissão e Distribuição de Energia (GTD) e Equipamentos Eletroeletrônicos Industriais, tanto em Reais quanto em moedas locais. Segmentos importantes da indústria como os setores de óleo e gás, mineração, papel e celulose e infraestrutura continuam mostrando boa demanda por novos produtos, tanto em projetos de expansão de capacidade (brownfield) ou novos investimentos (greenfield).

É importante destacar a presença e reconhecimento crescente das soluções da companhia em projetos e parcerias com grandes empresas globais, seja por contratos de exclusividade (frame agreements) ou inclusão como fornecedor global homologado (approved vendor list), o que nos diferencia e traz oportunidades únicas para a WEG.

Margem do Ebtda —Outro destaque do trimestre foi a margem Ebitda, que apresentou crescimento de 1,1 p.p. em relação ao 2T18, reflexo dos ganhos de margem em algumas operações no Brasil, seguido por melhor rentabilidade nas operações do exterior, além do mix mais favorável dos produtos vendidos.

O ROIC apresentou mais um trimestre de evolução. Fatores como o crescimento da receita, a melhora das margens operacionais, ganhos de escala e eficiência na alocação de capital têm suportado o crescimento apresentado nos últimos trimestres.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2021 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira