Portal Fator Brasil 
Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

21/03/2019 - 06:58

Log-In atinge lucro no 4T18 e no ano

No quarto trimestre de 2018, foi registrado o lucro de R$15,2 milhões, resultado este bem superior ao prejuízo de R$17,7milhões no mesmo período de 2017. Este resultado positivo é explicado, principalmente, pelo crescimento do Ebitda e pelo menor impacto da despesa financeira ocorrida no comparativo entre os períodos.

Em 2018 ,o resultado totalizou R$6,1milhões contra prejuízo de R$606,9 milhões em 2007,este resultado negativo deveu-se ao impacto do impairment de R$502,9 milhões referente ao cancelamento do projeto de construção dos navios realizado em 2017.

No quarto trimestre de 2018, o Ebitda Ajustado totalizou R$45,0milhões, superando em 52,0% os R$29,6milhões do quarto trimestre de 2017. O Ebitda ajustado da Log-In se mantém em trajetória de crescimento desde o segundo trimestre de 2017 na sua comparação trimestral ano corrente contra ano anterior. A Margem Ebitda (Ajustada) foi de 18,1%no 4T18, ou seja, superior em 6,5 p.p. a margem de 11,6% do quarto trimestre de 2017.Em 2018, o Ebitda ajustado atingiu R$147,7milhões, aumento de 115,9% em relação aos R$68,4milhões de 2017. A Margem Ebitda (ajustada) foi de 15,1% versus 7,8% em 2017, superior em 7,3 p.

“O ano de 2018 foi muito importante para a Log-In, pois a Companhia alcançou vários recordes de resultado. O Ebitda consolidado (ajustado) foi de R$147,7milhões e o Ebitda da Navegação Costeira de R$133,6 milhões, sendo os maiores da história da Companhia. Se considerarmos os eventos não recorrentes, que impactaram positivamente o resultado, tais como –a recuperação de créditos de PIS/COFINS e a vendado TERCAM (Terminal de Camaçari)-atingimos o Ebitda Consolidado de R$198,0 milhões.Estes resultados são decorrentes da captura dos ganhos de eficiência provenientes do processo de reestruturação que foi iniciado em 2016.Neste período, a Log-In alcançou todas as suas metas relacionadas aos principais pilares deste processo: reestruturação das dívidas, capitalização, regularização de recebimentos do AFRMM, planejamento da frota e a captura de resultados gerados pelas otimizações realizadas no processo. Os ganhos de eficiência começaram a aparecer nos resultados da Companhia no ano de 2017, resultando num crescimento ininterrupto do Ebitda consolidado trimestral (Ajustado) desde o 2T17.N a Navegação Costeira, o Ebitda foi de R$133,6 milhões em 2018 crescendo87,1% em relação ao ano anterior, devido ao volume recorde transportado (340,4 mil TEUs) e do melhor mix de cargas, com maior representatividade das cargas dos segmentos da Cabotagem e do Mercosul e uma menor participação das cargas do Feeder. Os volumes da Cabotagem, principal segmento da Navegação, responderam por 123,9 mil TEUs no período, crescendo13,7% em relação ao ano de 2017.O terminal portuário de Vila Velha (TVV), totalizou um Ebitda de R$55,4 milhões, o maior dos últimos quatro anos, ficando 34,5% superior ao resultado de 2017. Este crescimento pode ser explicado, em parte, pela maior movimentação de carga relacionada à exportação de café,devido a forte safra, e pelos volumes de granito. Em 2018, foram movimentados 161,9 mil contêineres e 369,6 mil toneladas de carga geral no terminal, superando em 5,1% os volumes movimentados em2017.O mês de dezembro de 2018 foi um marco para a Companhia, pois no dia 28 foi lançado ao mar o navio Log-In Polaris, um porta-contêineres em construção no estaleiro “CSSC Guangzhou Wenchong Shipyard”, situado na China, com capacidade nominal de 2.700 TEUse entrega prevista para o final do mês de junho de 2019. Este novo ativo, ao ser importado, possibilitará a Log-In o afretamento de outro navio (a casco nu), em função do direito de tonelagem, para que sejam substituídos os dois navios atualmente afretados por tempo, conforme o plano de negócios da Companhia.Estas substituições ampliarão o potencial de geração futura de AFRMM, pois estes novos navios estarão habilitados a gerar este recurso.Acreditamos que a Log-In pode seguir alcançando resultados recordes nos próximos anos, principalmente, através da captura do potencial de conversão das cargas do modal rodoviário para a cabotagem, da maximização do potencial de utilização das suas embarcações e da exploração de novas oportunidades de negócios na atividade portuária. Para atingir seus objetivos, a Companhia segue focada em oferecer um elevado nível de serviço, através da pontualidade e frequência dos seus navios,assim como pela eficiência e versatilidade necessárias para atender as necessidades dos seus clientes no terminal portuário”, comenta em comunicado a administração da Log-In.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2020 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira

 Consulta inválida: