Portal Fator Brasil 
Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

29/08/2018 - 07:39

Rimini Street anuncia resultados financeiros do segundo trimestre fiscal de 2018

Receita trimestral foi de US$ 62,6 milhões, um crescimento de 20% no ano. Margem bruta trimestral foi de 58,4%. Até 30 de junho de 2018, foram registrados 1.622 clientes ativos, alta de 21% no ano.

Las Vegas/São Paulo — A Rimini Street, Inc. (Nasdaq: RMNI), provedora global de produtos e serviços de software empresarial e líder na oferta de suporte independente para software Oracle e SAP, anuncia os resultados financeiros do segundo trimestre, encerrado em 30 de junho.

“Acreditamos que o refinanciamento de nossa linha de crédito, concluído recentemente com uma transação de US$ 140 milhões de private equity, elimina certas restrições ao nosso crescimento, removendo acordos referentes a gastos em vendas e marketing”, diz Seth A. Ravin, cofundador da Rimini Street e CEO. “A conclusão do refinanciamento nos permite investir agressivamente em vendas globais, marketing, prestação de serviços e recursos necessários para elevar receitas futuras. Somados aos nossos 13 anos de performance de vendas, esperamos que esses novos investimentos conduzam a um crescimento significativo e melhor aproveitamento da operação a partir de 2019”, conclui.

“A receita do segundo trimestre de 2018 foi acima da esperada, impulsionada pelo crescimento em todas regiões”, declara Tom Sabol, CFO da Rimini Street. “Fizemos também um progresso significativo em nossa meta de reduzir custos de capital com o refinanciamento da linha de crédito, proporcionando uma diminuição de débitos relacionados à dívida de aproximadamente US$95 milhões nos próximos três anos. Além disso, o refinanciamento estendeu o vencimento esperado até julho de 2023, quando as ações preferenciais poderão ser resgatadas na íntegra pelos detentores, a menos que tenham sido convertidas anteriormente para ações ordinárias.”, termina.

Destaques financeiros do segundo trimestre de 2018: . A receita foi de US$ 62,6 milhões no segundo trimestre de 2018, um crescimento de 20% comparado aos US$ 52 milhões registrados no segundo trimestre de 2017, e incluiu aproximadamente US$ 1,2 milhão em receita não-subscrita reconhecida no trimestre.

. A receita subscrita anualizada foi de aproximadamente US$ 246 milhões para o segundo trimestre de 2018, um crescimento de 18% comparado aos US$ 208 milhões no mesmo período do ano passado.

. A base de clientes ativos até 30 de junho era de 1.622, um aumento de 21% comparado com o número de 1.335 até 30 de junho de 2017.

. A taxa de retenção de receita foi de 93,2% nos 12 meses encerrados em 30 de junho deste ano, comparado com 93,8% em igual período encerrado em 30 de junho de 2017.

. A margem bruta foi de 58,4% para o segundo trimestre de 2018, ante 62,5% para o segundo trimestre de 2017, refletindo investimentos em novos produtos e serviços, custos com o evento semestral para o treinamento de entrega de serviços global da companhia, organizado em maio de 2018, e custos relacionados com um novo reconhecimento e entrega de benefício para colaboradores com dez anos de empresa.

. As perdas de operação registraram US$ 6 milhões no segundo trimestre de 2018, comparado com uma receita de operação de US$ 7,5 milhões em igual período de 2017. A mudança foi resultado de um aumento dos custos com litígio e crescimento planejado dos gastos com vendas e marketing.

. A receita de operações Non-GAAP foi de US$ 4,2 milhões no segundo trimestre de 2018, comparado com receita de US$ 8,1 milhões no segundo trimestre de 2017.

. As perdas líquidas para o segundo trimestre de 2018 foram de US$ 25,4 milhões, ou US$0,43 por ação básica, ante prejuízo líquido de US$ 25, 9 milhões, ou uma perda de US$ 1,05 por ação básica para o segundo trimestre de 2017.

. Perdas líquidas Non-GAAP para o segundo trimestre de 2018 foram de US$ 7,8 milhões, contra um prejuízo de US$,16,9 milhões em igual período de 2017.

. A operação de fluxo de caixa no segundo trimestre de 2018 registrou US$ 8,5 milhões, valor que foi de US$ 28,5 milhões no segundo trimestre de 2017, incluindo a liquidação de um seguro de US$ 19,3 milhões.

. O Ebitda ajustado no segundo trimestre de 2018 foi de US$ 3,8 milhões, versus US$ 8,9 milhões registrados no segundo trimestre de 2017.

. Redução da obrigação de linha de crédito da companhia em US$ 21 milhões com recursos reembolsados e recebidos da Oracle, após determinação judicial, os quais haviam sido pagos anteriormente pela companhia e foram revertidos em favor da Rimini Street em sede de apelação.

- Acordo de US$ 140 milhões para financiamento de ações em 18 de junho de 2018, fechado subsequentemente em 19 de julho do mesmo ano, resultando no pagamento de todas as obrigações em aberto sob o empréstimo totalizado em US$ 132,8 milhões, consistindo de principal, prêmio totalmente aplicável, juros e taxas. Após o pagamento, o empréstimo foi encerrado.

Reconciliações de medidas financeiras Non-GAAP fornecidas nesse material para a comparação direta das medidas financeiras GAAP estão disponíveis nas tabelas financeiras incluídas ao final deste texto. Uma explicação dessas medidas e como elas são calculadas também está incluída sob o título “About Non-GAAP Financial Measures and Certain Key Metrics”.

Destaques da companhia no segundo trimestre de 2018: .Anunciada a extensão do comprovado e premiado modelo de suporte e sua capacidade global para produtos SaaS com serviços de suporte para soluções Salesforce Sales Cloud and Service Cloud.

. Expansão da família de Soluções Extensíveis da companhia com o lançamento do Rimini Street Mobility e Rimini Street Analytics. Esses produtos integram a oferta Rimini Street Advanced Database Security, lançada em 2017. As soluções ajudam organizações a modernizar, com agilidade e baixo custo, seus sistemas atuais com características e funcionalidades de ponta, plataformas com técnicas para aplicações futuras contra mudanças tecnológicas ainda desconhecidas, e sistemas de segurança contra um ambiente de constantes ameaças.

. Conclusão de mais de 7,3 mil casos de suporte em 44 países. A companhia alcançou, mais uma vez, uma média de satisfação do cliente com suas entregas de suporte de 4,8 (5,0 é excelente).

. Presente em 12 eventos mundiais voltados para CIOs e líderes de TI e compras, incluindo o Gartner CIO & IT Executive Summit, no Canadá, e o IDC CIO Summit, na Coreia do Sul.

. Pela quinta vez, foi nomeada um dos melhores lugares para se trabalhar, pela Bay Area News Group, pelo ambiente de trabalho, políticas de comunicação, benefícios a funcionários e cultura corporativa.

. Premiada com seis Stevie® Awards, incluindo Companhia do Ano, Departamento de Serviço ao Cliente do Ano e Executivo de Serviço ao Cliente do Ano, na 16ª edição anual do American Business Awards ®.

. Recebeu Certificação atualizada para o sistema de compras do governo do Reino Unido e foi selecionada como provedor de suporte independente no âmbito do quadro de serviços de tecnologia 2 (TS2) deste governo para compras de serviços de TI.

. Adicionada ao US Russell 2000® Index.

Diretrizes para a receita — Segundo diretrizes atualizadas da companhia, a receita do terceiro trimestre deve ficar entre US$ 61 milhões e US$ 63 milhões, e previsão para receita anual entre US$ 240 milhões e US$ 250 milhões em 2018.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2019 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira
 Consulta inválida: