Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT RSS BLOGS BOLETIM TV FATOR BRASIL LINKS
Busca: OK
CANAIS

11/04/2008 - 10:07

Fórum de Inovação da Milliken evidencia as vantagens do polipropileno clarificado em relação às demais resinas usadas na fabricação de embalagens

Como pontos altos o evento teve o lançamento do novo clarificante Millad® NX-8000 e a apresentação do renomado designer internacional, Karim Rashid, que mostrou-se um apaixonado pelos plásticos, em especial pelo polipropileno.

São Paulo - Com a participação de mais de 170 profissionais do setor – entre fornecedores de materiais, usuários de embalagem, transformadores e designers, a norte-americana Milliken Chemical, líder mundial em clarificação e nucleação de poliolefinas, realizou no dia 07 de abril no Centro Britânico Brasileiro, em São Paulo, o 3° Fórum Milliken de Inovação em Embalagem de Polipropileno.

Um dos pontos altos do evento foi a apresentação do novo clarificante para PP (polipropileno), Millad® NX-8000, feita pela Gerente de Desenvolvimento de Mercado, Cláudia Kaari Sevo. Além de destacar os atributos exclusivos do novo clarificante, como altíssima transparência, excelente relação custo-benefício e total reciclabilidade, a especialista fez uma comparação entre o PP clarificado com o Millad® NX-8000 e outros materiais como PVC, policarbonato e poliestireno.

“Sabemos que a redução de opacidade superior a 50% em relação ao PP clarificado convencional, é apenas uma das vantagens do Millad® NX-8000”, explica. Segundo Cláudia, uma análise comparativa entre uma mamadeira produzida em policarbonato (PC) com uma feita a partir do PP com o novo clarificante identificou uma importante redução em custo, além de importantes ganhos de sustantabilidade ambiental, como: 25% de redução em peso, 35% de redução de consumo de energia para produzir o material, e 57% de redução de emissões de equivalentes de CO2.

Experiência semelhante foi feita comparando-se um corpo de aspirador de pó produzido em PVC com PP clarificado com Millad® NX-8000. Neste caso, o resultado foi ainda mais positivo. “Obtivemos uma redução de 30% no peso da peça, além de importantes ganhos de sustentabilidade ambiental”. celebra a Gerente. Cláudia destacou ainda a leveza, reciclabilidade, bom balanço rigidez-impacto, possibilidade de envase a quente e de aquecimento em microondas, excelente resistência química, excelente barreira a umidade e a oxigênio (multicamada c/EvOH) e a versatilidade de processamento de esta nova geração e PP clarificado, agora chamado de Polipropileno de Alta Transparência (PPAT).

O primeiro produto a utilizar o PPAT foi lançado nos EUA em dezembro de 2007. Trata-se da linha de potes para uso doméstico “Easy Find”, produzida pela Rubbermaid Food Services que, em pouco tempo, tornou-se um sucesso de vendas. “A consumidora associa a alta transparência da embalagem a aspectos como higiene e limpeza o que, por si só, alavanca as vendas”, avalia.

Outro destaque do Fórum Milliken foi a palestra do premiado designer egípcio, radicado nos EUA, Karim Rashid. Mostrando-se um entusiasta do plástico, em especial da versatilidade do polipropileno, Karim baseia suas criações no distanciamento dos arquétipos e na construção de objetos que criem uma conexão humana com o consumidor. “Para tal, é preciso ter uma percepção sensorial do todo e usar a tecnologia como um catalizador do processo criativo, oferecendo beleza”, sentencia.

Como dica para os designers brasileiros e profissionais envolvidos no desenvolvimento de produtos inovadores, Karim sugere que “as pesquisas com consumidores sejam deixadas de lado e dê-se preferência a times especializados formados por 5 a 6 profissionais ligados a inovação”. Segundo ele, a chance do novo produto dar certo com esta receita ultrapassa os 90%. “Desta forma focamos os esforços em uma inovação que tem o poder de provocar uma mudança real e não sofremos a influência de percepções variadas e infundadas.”

Outros pontos defendidos por Karim em sua palestra foram: “o designer tem mais poder do que imagina, mas ele precisa ter um embasamento tecnológico e assegurar-se que a tecnologia acompanhará de perto a sua criação” e “o design é, de fato, o único diferencial real da marca”.

No que tange a sustentabilidade, a apresentação de Jeff Jones, Gerente Global de Clarificantes da Milliken, deixou claro que a Milliken está bem à frente nesta questão. A empresa mantém o status de “Carbon Negative” e boa parte de suas ações sociais, econômicas e ambientais, praticadas consistentemente desde 1990, estão alinhadas aos 7Rs propostos no scorecard do Wal-Mart: remover, reduzir, reutilizar, reciclar, renovar, revenue (lucrar) e read (ler).

Como ação sustentável, a empresa aconselha que a seleção de materiais de embalagem passe por quatro avaliações: funcional, financeiro ,footprint( sustentabilidade) e futuro. “Nesta avaliação, o polipropileno é uma das resinas termoplásticas com melhor performance. Ele apresenta uma excelente eficiência energética (consome-se menos energia para produzir uma embalagem) e também tem um maior poder de recuperação energética quando incinerado.”

Jones citou ainda que o PP gera 40% menos resíduos sólidos no lixo urbano em comparação com o PET (em peso) e é o material com o menor nível de emissão de CO2. “A boa notícia é que quando comparamos uma embalagem feita de PP clarificado com uma feita de PVC, temos uma redução de 30% no uso de matéria-prima. Comparado com o poliestireno esta redução é de 15%, com o policarbonato (PC) entre 10% e 25%, com o polietileno de alta densidade (PEAD) entre 5% e 15%, e com o PET entre 5% e 20%.”

Após cada palestra, os ouvintes puderam fazer perguntas aos palestrantes. Participaram como intermediadores desta seção Perguntas & Respostas Luciana Pellegrino, Diretora Executiva da ABRE; Fábio Mestriner, Coordenador do Núcleo de Estudos da Embalagem da ESPM; e Manoel Muller, designer e sócio da Muller & Camacho.

Perfil da Milliken Chemical - Com sede em Spartanburg, Carolina do Sul, EUA, a Milliken & Company é uma das maiores empresas privadas das áreas de produtos têxteis e químicos. A Milliken Chemical, uma Divisão da Milliken & Company, é especializada no desenvolvimento e produção de aditivos para plásticos, corantes poliméricos, agentes antimicrobianos e outras especialidades químicas. A Milliken Chemical mantém centros de aplicação e de desenvolvimento em todo o mundo para garantir suporte total aos seus clientes.

Na América Latina, a empresa fornece aditivos especializados para as principais petroquímicas. No Brasil, onde atua desde 1996, os principais clientes são Braskem e Nova Petroquímica. | Site: www.millikenchemical.com.

Enviar Imprimir
© Copyright 2006 - 2014 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira