Portal Fator Brasil 
Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

12/01/2018 - 07:32

Trombose e viagens longas


Estimativas do Ministério da Saúde indicam que no Brasil um ou dois habitantes a cada mil sofram de trombose venosa profunda e embolia pulmonar.

Agora na época das férias quem vai viajar, seja de avião, carro, ônibus ou outro meio de transporte e vai ficar muito tempo sentado, sem se mexer, uma dica é procurar andar no corredor do ônibus e/ou do avião e dar uma parada durante a viagem de carro e fazer exercícios movimentando os pés e a panturrilha a fim de ajudar no retorno do sangue para o coração.

Em dezembro a atriz Susana Vieira foi internada no CTI do Hospital Vitória, no Rio de Janeiro, diagnosticada com uma trombose na perna (TVP) após retornar de uma viagem de férias em Miami.

Para evitar as doenças circulatórias devemos ter hábitos saudáveis, observar alguns fatores de riscos como o tabagismo, sedentarismo, diabetes, hipertensão e histórico familiar, praticar exercícios regularmente e fazer uma avaliação com o angiologista.

Para quem já tem o problema, com medidas simples se evita a trombose: uso de meias elásticas de compressão, evitar bebidas alcoólicas e tomar muita água, caminhar, fazer exercícios movimentando os pés e a panturrilha a fim de ajudar no retorno do sangue para o coração e evitar uso de medicamentos para dormir. Outras medidas importantes são ter uma alimentação equilibrada, evitar o tabagismo, além das atividades físicas.

Todos os exercícios que fortaleçam a panturrilha são benéficos, já que ela funciona como uma bomba de retorno de sangue para o coração, aumentando a pressão da circulação sanguínea. A atividade física é uma medida de prevenção e não de tratamento, já que forçar a musculatura da região atingida por uma trombose, por exemplo, pode forçar ainda mais a circulação sanguínea e acentuar os sintomas. Além disso, as pessoas que já possuem varizes devem procurar um médico caso precisem fazer o uso continuado de hormônios, usar meias de compressão em viagens longas e durante a gravidez.

. Por: Ricardo Brizzi, Angiologista e Cirurgião Vascular fez residência médica em cirurgia vascular na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e pós-graduação em cirurgia endovascular em São Paulo, trabalhou no serviço público nos Hospitais Salgado Filho e da Lagoa, no setor de Hemodinâmica. É membro da Sociedade de Cirurgia Vascular do Rio de Janeiro e responsável pelo setor de cirurgia vascular e endovascular dos Hospitais Badim, Israelita e Norte D’Or.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2020 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira

 Consulta inválida: