Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

28/02/2008 - 12:02

Acidente na Bacia de Campos, Petrobras informa

Rio de Janeiro - A Petrobras vem a público prestar novas informações sobre o acidente com o helicóptero Super Puma L2, da empresa BHS, ocorrido no dia 26 de fevereiro (terça-feira), por volta das 16h30, na Bacia de Campos, a cerca de 120 quilometros da costa. A aeronave transportava 20 pessoas, 17 passageiros e três tripulantes, diz a nota.

A companhia informa que até o momento, 15 pessoas foram resgatadas com vida. O co-piloto que conduzia o helicóptero, Sérgio Ricardo Muller, está internado no Hospital Municipal de Macaé, em condições estáveis. As demais pessoas foram avaliadas com diagnóstico favorável, por equipe médica, em plataformas próximas ao local do acidente, e estão sendo desembarcadas das plataformas na manhã de 27 de fevereiro (quarta-feira).

Foi confirmado o óbito de Marcelo Manhães dos Santos, da empresa Sparrows BSM Engenharia. Outros dois corpos foram localizados no interior da aeronave, no fundo do mar, ainda sem identificação, em processo de resgate.

As buscas dos dois passageiros ainda desaparecidos continuaram por toda a noite e estão em andamento com quatro embarcações equipadas com robôs submarinos para buscas no fundo do mar, oito embarcações de pesquisa de superfície e três helicópteros, além de duas aeronaves da Força Aérea Brasileira e um navio da Marinha.

A Petrobras e as empresas prestadoras de serviços entraram em contato com os familiares dos passageiros e estão prestando toda a assistência às famílias das vítimas.

A aeronave que conduzia os passageiros da P-18 com destino a Macaé era de fabricação Eurocopter ano 2002, da empresa BHS (Brazilian Helicopter Service), prestadora de serviços de transporte aéreo para a Petrobras. Esta aeronave possuía capacidade para 25 pessoas incluindo três tripulantes.

Após o pouso forçado na água, por volta das 16h30, os flutuadores foram acionados. O helicóptero permaneceu por mais algumas horas na posição emborcada antes de afundar, próximo à plataforma P-18, localizada no campo de Marlim, a cerca de 120 km da costa e lâmina d’água de 820 metros. Nesta ocasião o mar encontrava-se agitado e os ventos moderados.

No momento do acidente, as informações da Rede de Meteorologia do Comando Aeronáutico eram de que as condições de vôo estavam normais e o espaço aéreo, aberto para vôos na área.

A Petrobras ainda informa que suspendeu as operações com dois helicópteros do mesmo modelo, de propriedade da empresa BHS, até realização de avaliação das aeronaves junto ao fabricante.

E a Petrobras também instaurou uma comissão interna de acompanhamento da investigação do acidente que será feita pelos órgãos competentes (Marinha, Aeronáutica e Polícia Civil).

As pessoas resgatadas com vida até o momento são ( nomes e empresas, respectivamente) : Sérgio Ricardo Muller - BHS Helicópteros | Daniele Madureira Neto - BHS Helicópteros | Sandro Venâncio - Accenture do Brasil | Adriano de Souza Rodrigues - De Nadai Serv. de Alimentação | Alessandro Moraes Tavares - De Nadai Serv. de Alimentação | José Carlos Bezerra do Nascimento - De Nadai Serv. de Alimentação | Jefferson Lemos Macedo - Falcão Bauer | Marcos Antonio Rodrigues - Sulzer Brasil S.A. | Jailson Moraes Bastos - Techint S.A. | Julio Ribeiro da Silva - Techint S.A. | Alessandro Gomes das Chagas - Petrobras | Valéria Cristina Taveiros - Elfe Solução em Serviços Ltda | Sérgio Borges Cordeiro – Petrobras | Wilson Ferreira da Silva - Petrobras | Marcelo Pereira Maceira - Petrobras

As pessoas desaparecidas ou não identificadas são: Paulo Roberto Veloso Calmon - BHS Helicópteros | Durval Barros da Silva - De Nadai Serv. de Alimentação | Guaraci Novaes Soares - De Nadai Serv. de Alimentação | Adinoelson Simas Gomes - Petrobras.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2021 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira