Página Inicial

PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL
Busca: OK
CANAIS

12/01/2016 - 05:59

1º Condomínio Robotizado do América Latina firma parceria para melhoramento genético


Pelo acordo firmado este mês, será utilizada apenas genética 100% ABS no rebanho dos associados da cooperativa do Rio Grande do Sul.

A ABS Pecplan e a cooperativa Dália Alimentos firmaram uma parceria com foco no melhoramento genético dos rebanhos de pequenos produtores de leite do Rio Grande do Sul, que integram a 1ª Associação com ordenha robotizada da América Latina. O Condomínio de Produção Associativa de Leite, instalado no município de Nova Bréscia, utilizará genética 100% ABS.

Raul Abreu, gerente de Negócios da ABS Pecplan na região, explica que o acordo inclui, além de fornecimento de material genético, a utilização de serviços técnicos da empresa, como o ABS Monitor e o GMS. “Estamos muito felizes por integrar esse projeto inovador no país e, com certeza, poderemos contribuir muito para o avanço dos animais do condomínio”, informa.

Diretores, conselheiros e parte do departamento técnico da Cooperativa estiveram nos Estados Unidos em 2015 para conhecer a sede da ABS Global e algumas propriedades fornecedoras e usuárias de genética ABS. O presidente da cooperativa Carlos Alberto de Figueiredo Freitas conta que a viagem foi decisiva. “Nós já utilizávamos genética suína PIC (empresa do grupo Genus, da qual a ABS faz parte) e já tínhamos visitado os laboratórios do grupo. Quando voltamos aos EUA e fomos até a ABS Global, notamos todo o potencial da empresa. Então, decidimos. Levamos em consideração o quadro de profissionais qualificado, a filosofia de trabalho, a qualidade dos touros e os recursos técnicos que oferecem”, justifica, destacando que um diferencial foi o sistema de monitoramento ABS Monitor. “Um sistema de gestão como esse numa propriedade leiteira é fundamental”, completa.

O trabalho das equipes técnicas da Dália Alimentos e da ABS Pecplan começou este mês. Desde dezembro, já funciona o condomínio com ordenha robotizada. Ao todo, 17 famílias de pequenos produtores participam projeto inovador na América Latina construído em uma área de 13 hectares, com capacidade para alojar 262 vacas, sendo 210 em lactação. O empreendimento, coordenado pela Dália Alimentos, tem como base tecnologia sueca.

Além do condomínio, outras 17 propriedades que fornecem leite para a Dália Alimentos vão participar do projeto que envolve exclusivamente genética e serviços da ABS. Todos os rebanhos trabalham com a raça holandesa. “Esperamos ver o resultado daqui a alguns anos dessa escolha e desse trabalho de melhoramento genético que começa agora”, destaca o presidente da cooperativa.

Enviar Imprimir

© Copyright 2006 - 2016 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira