Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

11/12/2015 - 08:14

Arnaldo Jardim — Engenheiro, o profissional do desenvolvimento


Arnaldo Jardim é formado em engenharia pela Poli/USP, deputado federal licenciado (PPS-SP) e secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo. Site: www.arnaldojardim.com.br | Email: [email protected] , e redes sociais

Dia 11 de dezembro se comemora o Dia do Engenheiro. Como engenheiro formado pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli/USP), destaco a importância dessa carreira para a formulação e execução de projetos e relembro que o engenheiro é o profissional do Desenvolvimento.

Com a nossa formação cartesiana, buscamos a precisão dos números, a definição de parâmetros, a fixação de metas. Temos um instrumental de trabalho, uma quase “ideologia” que nos leva a ansiar por previsibilidade, planejamento e regras claras, bem definidas. Imaginem então, o sufoco que é viver em um País que, hoje, se caracteriza por instabilidade nas regras, falta de planejamento e políticas públicas que variam “ao sabor dos ventos”.

Por outro lado, entendemos a contextualização de nossas ações, buscando uma visão holística que nos permita uma inserção no mundo da produção, na sociedade e isto também se estreita hoje quando inexiste um Projeto Nacional, uma proposta estratégica para a Nação.

A importância da Engenharia é tão grande que se torna difícil pensar o mundo dinâmico, de constante inovação em que vivemos, sem a sua presença, principalmente quando o assunto é estrutura, logística, o aumento da produção e da produtividade.

Engenheiro civil que sou, estou tendo a oportunidade de descobrir e conhecer a engenharia agronômica, por conta da minha função como secretário de Agricultura e Abastecimento do governo Geraldo Alckmin. Uma fusão de campo/cidade; da natureza com o ambiente construído, uma afirmação de que a vocação agropecuária e agroindustrial é o nosso diferencial competitivo no mundo.

A agricultura e a construção civil possuem uma característica em comum, que é o uso intensivo da mão de obra, além de serem setores estruturais para a economia do País.

Quando fui secretário de Habitação do Estado de São Paulo, implantei o Projeto Comunitário “Vida Melhor” nos conjuntos habitacionais e promovi o estabelecimento de normas habitacionais urbanísticas para o desenvolvimento de núcleos habitacionais sustentáveis, uma experiência fascinante e oportunidade para exercer minha profissão.

Agora, enquanto engenheiro e político busco contribuir para a construção de uma cidadania sustentável, equilibrar a balança entre o desenvolvimento econômico e conservação do meio ambiente para garantir a qualidade de vida das pessoas e percebo a utilidade que tem nossa profissão.

Que venha o desenvolvimento que sonhamos e que o nosso País merece!

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2021 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira