Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

04/02/2015 - 08:52

E-commerce de revenda de purificadores de água fatura R$ 750 mil em um ano

Com investimento inicial de R$ 80 mil, empresa atende todo o Brasil e espera ter faturamento de R$ 1,5 mi em 2015.

Durante oito anos, o pernambucano Edielson Silva trabalhou em uma grande fabricante mundial de eletrodomésticos e purificadores de água, onde aprendeu muito sobre este mercado. Sua última função, a de coordenador de vendas, foi exercida até meados de 2013, quando finalmente resolveu abrir seu próprio negócio. Com um investimento inicial R$ 80 mil, decidiu continuar no promissor ramo de purificadores de água residenciais e comerciais e criou um e-commerce especializado na revenda de refis. Em apenas um ano, recuperou o investimento realizado e com uma equipe de apenas quatro pessoas faturou R$ 750 mil com a H2O Purificadores.

“Optei por investir em uma loja virtual por exigir um investimento menor em estrutura física e também pela possibilidade de atender todo o Brasil. Parte do capital inicial foi direcionada para o desenvolvimento da loja virtual, cerca de 30% e 30% em produtos. Comecei com minha esposa operando em casa e hoje já temos um escritório e duas funcionarias”, lembra Edielson.

O negócio está crescendo rapidamente e deve ter um faturamento de R$ 1,5 milhão no segundo ano de operação. “Estamos investindo em tecnologia e na ampliação do portfólio de produtos, além da área de marketing digital. Somos muito otimistas e acreditamos no nosso modelo de negócios, que deve virar uma microfranquia nos próximos anos”, revela o empresário.

Cenário - Edielson tem razões para botar fé no seu e-commerce. De acordo com estudos da E-Bit, os consumidores brasileiros estão ampliando suas opções de compra para a internet e 51,3 milhões de pessoas já utilizaram a web ao menos uma vez para adquirir um produto. Somente em 2013, 9,1 milhões de pessoas compraram online pela primeira vez, um crescimento de 28% no comércio eletrônico em comparação ao ano passado, alcançando um faturamento de 28,8 bilhões de reais. Para 2014, a expectativa é de crescimento de 20% com relação a 2013, com um faturamento estimado de 34,6 bilhões de reais.

O empresário está investindo também em tornar seu e-commerce totalmente adaptado para compras por meio de dispositivos móveis. Em janeiro de 2013, esta modalidade correspondia a 2,5% de todas as vendas online. Ao final do mesmo ano, já representava 4,8%. Segundo a E-bit, a tendência é de crescimento deste formato, que deve alcançar uma participação de 10% do mercado em 2015. Por outro lado, estima-se que apenas 16% das famílias brasileiras utilizam filtros ou purificadores para o tratamento da água encanada, o que demonstra o potencial deste mercado no qual gigantes como Electrolux, Whirlpool e Unilever estão de olho.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2021 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira