Portal Fator Brasil 
Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

11/03/2014 - 07:56

Novo sistema da ABTRA reduzirá em mais de 90% espera por liberação de cargas

Software dinamizará os pedidos de autorização de embarque para a Receita Federal, processo que deve cair de 36 para até 3 horas.

A tentativa de minimizar os impactos dos gargalos logísticos nas principais rodovias e portos do país têm reunido entidades, governo e empresas privadas. Parte interessada e representante das principais empresas portuárias do País, a Associação Brasileira de Terminais e Portos Alfandegados (ABTRA) lançará neste mês de março, o Pedido de Embarque Eletrônico (PEM-e), com a promessa de diminuir o tempo de espera das filas de caminhões e navios nos principais portos do Brasil. Hoje, os caminhões que acessam o maior complexo da América Latina, o Porto de Santos (SP), aguardam, em média, 36 horas pela liberação da Receita Federal para embarcar cargas de exportação. Com o novo sistema, a expectativa é diminuir a espera para 3 horas.

Com a chegada da supersafra de grãos - que ultrapassará 190 milhões de toneladas, segundo a Companhia Nacional de Abastecimento - o novo sistema auxiliará na automatização e rapidez para a autorização no embarque dos granéis, e também de veículos, bobinas de aço e celulose. “Todo o processo de entrega da documentação do pedido de embarque será solicitado através de um único site, que faz parte da Janela Única Portuária. Os exportadores poderão cadastrar os pedidos de cargas e a Receita Federal terá duas horas, nos períodos da manhã e da tarde, para interagir com o sistema”, adianta o gerente de tecnologia da ABTRA, Vander Serra de Abreu, que também aponta como benefício a redução de custos para exportador e armador, visto que os caminhoneiros permanecerão menos tempo parados nos terminais à espera da liberação.

Além do Pedido de Embarque Eletrônico, a Entidade foi responsável pelo desenvolvimento de outros importantes sistemas amplamente utilizados por empresas do setor, como a Declaração de Transferência Eletrônica (DTe) e o Banco de Dados Comum de Credenciamento (BDCC).

De acordo com Abreu, a Associação está em negociação com a Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp) para que o sistema de Pedido de Embarque Eletrônico interaja com o Sistema de Agendamento. “Nosso objetivo é otimizar os processos e reduzir tempo e custos. Acreditamos que a junção dos sistemas da ABTRA e da Autoridade Portuária santista irá diminuir ou até acabar com esses problemas”, explica.

No próximo dia 01 de abril, a ABTRA participará do programa de conferências da feira Intermodal South America 2014, em São Paulo (SP). A Entidade, além de apoiadora do evento, organizado pela UBM Brazil, conduzirá o painel “Desafios Estruturais dos Portos Brasileiros” e o case “Janela Única Portuária”, que trará detalhes do PEM-e. O gerente de Tecnologia da entidade, Vander Serra de Abreu, e o auditor, representante da Alfândega do Porto de Santos, Antônio Russo Filho, têm presença confirmada. Interessados no programa de conferências podem se inscrever pelo site do evento: intermodal.com.br.

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2020 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira

 Consulta inválida: