Página Inicial

PORTAL MÍDIA KIT RSS BLOGS BOLETIM TV FATOR BRASIL LINKS
Busca: OK
CANAIS

19/05/2012 - 07:02

Agricultura publica preço mínimo das culturas de inverno

Os novos valores publicados no DOU para as regiões Sul, Centro-Oeste e Sudeste e para Bahia garantem remuneração aos produtores.

Brasília - O Diário Oficial da União (DOU) divulgou no dia 18 de maio (sexta-feira), a Portaria nº 425 do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), com os preços mínimos para as culturas de inverno da safra 2012 e para produtos regionais da safra 2012/13. Os valores foram definidos pelo Conselho Monetário Nacional (CMN) no dia 26 de abril.

Para a região Sul, o trigo tipo 1, pH 78, saca de 60 kg, tem preço mínimo de R$ 20,85 (básico), R$ 25,02 (doméstico), R$ 30,06 (pão) e R$ 31,50 (melhorador). O trigo tipo 2, pH 75, tem preço mínimo de R$ 18,95 (básico), R$ 22,74 (doméstico), R$ 27,36 (pão) e R$ 28,92 (melhorador). O trigo tipo 3, pH 72, tem preço mínimo de R$ 16,00 (básico), R$ 19,20 (doméstico), R$ 23,10 (pão) e R$ 23,52 (melhorador).

A portaria estabelece, também, os preços mínimos do trigo para as regiões Centro-Oeste, Sudeste e Bahia. O trigo tipo 1, pH 78, saca de 60 kg, tem preço mínimo de R$ 22,95 (básico), R$ 27,54 (doméstico), R$ 33,12 (pão) e R$ 34,98 (melhorador). O trigo tipo 2, pH 75, tem preço mínimo de R$ 20,65 (básico), R$ 24,78 (doméstico), R$ 29,76 (pão) e R$ 31,56 (melhorador). O trigo tipo 3, pH 72, tem preço mínimo de R$ 17,55 (básico), R$ 21,06 (doméstico), R$ 25,385 (pão) e R$ 25,92 (melhorador). O trigo para outros usos tem preço mínimo de R$ 12,12 a saca, em qualquer dessas regiões.

O governo definiu, ainda, o preço mínimo de R$ 16,02 para a saca de 60 kg de aveia (região Sul); R$ 31,86 para a saca de canola (Sul, Sudeste e Centro-Oeste); R$ 22,68 para a saca de cevada (Sul, Sudeste e Centro-Oeste); R$ 30,60 para a saca de girassol (Sul e Centro-Oeste), e R$ 17,10 para a saca triticale (Sul, Sudeste e Centro-Oeste).

Todos esses valores passam a vigorar entre julho de 2012 e julho de 2013. Os preços mínimos fazem parte da política do governo de aquisição dos produtos excedentes do mercado, corrigindo distorções de preços ao produtor. O objetivo é permitir o sustento da renda no campo, garantindo uma remuneração mínima pela colheita.

Enviar Imprimir
© Copyright 2006 - 2014 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira