Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT RSS BLOGS BOLETIM TV FATOR BRASIL LINKS
Busca: OK
CANAIS

13/04/2012 - 08:29

Déficit comercial em produtos químicos chega a US$ 5,7 bilhões no primeiro trimestre de 2012, aponta Abiquim


O déficit da balança comercial de produtos químicos chegou a US$ 5,7 bilhões no primeiro trimestre deste ano, equivalente a um aumento de 13,9% em relação ao mesmo período de 2011, de acordo com o RECE – Relatório Estatístico de Comércio Exterior – divulgado pela Abiquim – Associação Brasileira da Indústria Química. De janeiro a março de 2012, o Brasil importou US$ 9,3 bilhões e exportou US$ 3,6 bilhões em produtos químicos. Na comparação com o primeiro trimestre do ano passado, as importações aumentaram 10,6% e as exportações cresceram 5,9%. No acumulado dos últimos 12 meses, o déficit é de mais de US$ 27,2 bilhões.

Para a diretora de Assuntos de Comércio Exterior da Abiquim, Denise Naranjo, o combate contra o aumento significativo do déficit do setor passa pela necessidade de ganho de competitividade e de defesa da indústria. “O sucesso dos Conselhos de Competitividade estabelecidos no âmbito do Plano Brasil Maior, as medidas anunciadas pelo Governo para desoneração tributária em importantes cadeias produtivas, e o fim da ‘guerra fiscal’ pela qual alguns estados concedem vantagens às importações são fundamentais para a inversão do crescente déficit do setor químico”, salienta Denise.

Importação e Exportação - Os produtos químicos mais importados no primeiro trimestre de 2012 foram os intermediários para fertilizantes, com crescimento de 15,1%, chegando a US$ 1,4 bilhão. O item mais exportado pelo País foi o de resinas termoplásticas, com vendas de US$ 570,8 milhões no mesmo período, aumento de 5,2% em relação ao primeiro trimestre de 2011.

Perfil da Abiquim: a Associação Brasileira da Indústria Química – Abiquim ­– fundada em 1964 reúne as indústrias químicas de grande, médio e pequeno porte, bem como prestadores de serviços ao setor nas áreas de logística, transporte, gerenciamento de resíduos e atendimento a emergências. A entidade representa o setor nas negociações de acordos internacionais relacionados a produtos químicos. A ABIQUIM é responsável pela coordenação, em nível nacional, do Programa Atuação Responsável® e pela operação do Pró-Química®, além de administrar o CB 10 - Comitê Brasileiro de Normas Técnicas, da ABNT, para a área química.

Enviar Imprimir
© Copyright 2006 - 2014 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira