Página Inicial
PORTAL MÍDIA KIT BOLETIM TV FATOR BRASIL PageRank
Busca: OK
CANAIS

29/11/2011 - 10:04

Jovens cientistas do futuro conquistam vagas para participar ISEF 2012

São Paulo – Nove projetos de estudantes de escolas públicas e privadas do Brasil inteiro foram selecionados pela Mostratec, organizada pela Fundação Escola Técnica Liberato, para representar o país na feira de ciências Intel ISEF, que acontece entre os dias 13 e 18 de maio de 2012 em Pittsburgh, Pensilvânia, USA. Eles se juntarão a outros nove projetos que serão escolhidos em março do próximo ano durante a Febrace, que é promovida pela POLI-USP (Escola Politécnica da Universidade de São Paulo), em São Paulo.

A organização da 26ª edição da feira, que aconteceu em Novo Hamburgo, no Rio Grande do Sul, premiou projetos inovadores e criativos. Entre eles, o desenvolvimento de um inseticida natural à base de folhas de hortelã e manjericão, a reutilização de garrafas pet na construção de sistema de irrigação e a utilização de materiais comuns para transformá-los em um equipamento de baixo custo para auxiliar no aprendizado de matérias como robótica, eletrônica, programação e mecânica.

Outro projeto desenvolveu um software para ser utilizado na triagem dos pacientes para definir a prioridade do atendimento, conforme os parâmetros clínicos avaliados, integrando com um banco de dados e uma interface amigável. Os premiados foram escolhidos entre 578 trabalhos inscritos de 350 escolas (sendo 273 públicas e 107 privadas).

“Percebemos que a cada ano os projetos evoluem e o Brasil tem tudo para continuar a conquistar muitos prêmios na competição global, pois unimos conhecimento técnico e criatividade para tratarmos de temas complexos”, afirma o gerente de educação da Intel Brasil, Rubem Paulo Saldanha. A Intel investe US$ 100 mi todos os anos para incentivar e capacitar professores, alunos e faculdades a inovar principalmente nas áreas da matemática, da ciência e da tecnologia.

A feira de Ciências Intel ISEF é a maior competição pré-universitária de ciências e engenharia do mundo onde mais de 1.500 alunos do ensino médio de 65 países apresentam suas pesquisas.

A Mostratec é considerada uma das maiores feiras de iniciação científica do país. “A feira contribui para a melhoria da qualidade da educação com a formação de uma geração comprometida com o desenvolvimento da ciência e da tecnologia para um mundo melhor. Ela também constitui-se igualmente em uma oportunidade para os jovens pesquisadores, a exemplo da parceria profícua com a Intel ISEF, que premia projetos para participar do maior evento do mundo na área das ciências e das engenharias” destaca Maria Inês Zulke, diretora executiva da Fundação Liberato.

Os projetos vencedores da Mostratec: . O projeto “Multitron” foi outro selecionado da 26ª Mostratec. O aluno o Luis Felipe do Nascimento Braz do Instituto Rezende Rammel, Rio de Janeiro, desenvolveu um projeto que tem como foco mostrar que é possível utilizar materiais comuns no dia-a-dia e transformá-lo em um equipamento de baixo custo para auxiliar no aprendizado de matérias como robótica, eletrônica, programação e mecânica.

. Os alunos Adymailson Nascimento Santos, Islla Gonçalves Marreiros e Thysianne de Sousa Teixeira da Escola Estadual Mineko Hayashida, Amapá, apresentaram o projeto “Biojari, as mudanças começam a partir de novas ideias”. O objetivo do trabalho foi o de ressaltar a importância de uma moradia digna, que garanta segurança, saneamento básico, iluminação pública, saúde e educação de qualidade para os moradores do bairro das Malvinas no Município de Laranjal do Jari no estado do Amapá.

.O Instituto Federal Catarinense, Santa Catarina, conquistou seu lugar com os alunos Felipe Soares Wolff e Hilário Zornitta Júnior com o projeto “Escolha da solução ideal do vinagre de banana para captura da mosca das frutas”. O principal objetivo da pesquisa foi o de determinar qual a solução com base de vinagre de banana é a mais eficiente para captura inicial e final do inseto adulto da mosca das frutas.

. De São Paulo, o aluno do Colégio Dante Alighieri, Victor Marelli Thut apresentou o “FAC: sequestro de carbono em ambientes domésticos”. O objetivo do projeto é realizar o sequestro de carbono, utilizando o Fotobiorreator para Absorção de Carbono (FAC) em ambientes domésticos, neutralizando as emissões de carbono de uma determinada pessoa e/ou grupo de pessoas, contribuindo para a diminuição dos índices de dióxido de carbono na atmosfera. O FAC funcionará juntamente com um website como uma calculadora de CO2 e uma ferramenta de suporte ao produto, viabilizando o uso doméstico.

.O aluno Allison Daniel Fernandes Coelho Souza do Colégio Santa Luzia, Maranhão, apresentou o projeto “Inseticida natural à base das folhas de Hortelã (Mentha arvensis) e Manjericão (Ocimum basilicum): Abordagem fitoquímica de biocontroladores com potencial formicida e mosquicida II”. O projeto prevê controle de pragas por meio de uma alternativa biodegradável e de baixo impacto ambiental.

. “Reutilização de garrafas pet na construção de sistema de irrigação”. Esse foi o projeto da Ana Luisa Lopes Marques Coutinho do Colégio Fiusa, Ceará. Com o objetivo de reverter o alto custo dos equipamentos de irrigação e a pouca disponibilidade de água em algumas regiões do Nordeste, foi elaborado um projeto de irrigação para atender aos pré-requisitos de alta eficiência de aplicação da água, baixo consumo de energia, baixo custo de implantação e fácil manuseio pelo produtor.

. Três projetos selecionados foram da Fundação Escola Técnica Liberato Salzano Vieira da Cunha, Rio Grande do Sul: . Daniel Henrique Fiala o desenvolveu “EMEPED - Software de avaliação de prioridade de risco na emergência pediátrica”, tem por objetivo desenvolver um software que possa ser utilizado na triagem dos pacientes, para definir a prioridade do atendimento, conforme os parâmetros clínicos avaliados, integrando com um banco de dados e uma interface amigável.

. Caio Francisco Ternus de Abreu desenvolveu um sistema capaz de aferir a medida do débito cardíaco por meio do cateter de Swan-Ganz, garantindo uma maior confiabilidade na resposta de monitores hemodinâmicos de débito cardíaco.

. “Facilitando a conservação da vida - Alternativas de separação de Ácido Lactobiônico e Sorbitol” foi o ultimo projeto que fechou os nove classificados da feira. Os alunos Eduardo Thadeu Rodrigues e Juliana Hoch estudaram que o Brasil embora seja o segundo país que mais faz cirurgias de transplantes de órgãos no mundo, descarta de mais de 70% de todos os órgãos passíveis de serem transplantados. O projeto buscou uma alternativa de separação dos dois compostos que são utilizados nos líquidos que conservam a estrutura celular dos tecidos, objetivando a diminuição do custo do reagente, por conseqüência dos conservantes, dando uma esperança maior para aqueles que aguardam na fila de espera por um transplante de órgão.

Perfil-A Intel (NASDAQ: INTC) é líder mundial em inovação. A empresa projeta e fabrica as tecnologias essenciais que servem como base para os dispositivos computacionais de todo o mundo. |www.twitter.com/intelbrasil

Enviar Imprimir


© Copyright 2006 - 2021 Fator Brasil. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Tribeira